09 novembro 2018

Resenha - Tempestade de Guerra, Victoria Aveyard


Livro: Tempestade de guerra (A Rainha Vermelha #4)
Autor(a): Victoria Aveyard
Editora: Seguinte
Páginas: 702
Adquira: Amazon
Livro cedido através da parceria com a editora
Mare Barrow aprendeu rápido que, para vencer, é preciso pagar um preço muito alto. Depois da traição de Cal, ela se esforça para proteger seu coração e continuar a lutar junto aos rebeldes pela liberdade de todos os vermelhos e sanguenovos de Norta. A jovem fará de tudo para derrubar o governo de uma vez por todas — começando pela coroa de Maven. Mas nenhuma guerra pode ser vencida sem ajuda, e logo Mare se vê obrigada a se unir ao garoto que partiu seu coração para derrotar aquele que quase a destruiu. Cal tem aliados prateados poderosos que, somados à Guarda Escarlate, se tornam uma força imbatível. Por outro lado, Maven é guiado por uma obsessão profunda e fará qualquer coisa para ter Mare de volta, nem que tenha que passar por cima de tudo — e todos — no caminho.


ESSA RESENHA NÃO POSSUI SPOILER DO LIVRO ANTERIOR.
LEIA AS RESENHAS DE A RAINHA VERMELHA, ESPADA DE VIDRO, COROA CRUEL. E A PRISÃO DO REI.


O caos ameaçava se instaurar em Norta antes mesmo do início da briga pelo trono, protagonizada pelos irmãos Calore. A Guarda Escarlate reivindicava a liberdade dos vermelhos, algumas casas prateadas buscavam a própria coroa, os países vizinhos queriam expandir seus territórios... No meio disso tudo estava um garoto treinado para herdar a coroa, um general de guerra, um homem com o coração partido.

Ao seu lado deveria estar Mare Barrow, mas os dois estavam em lados opostos pelo tempo que ele quiser se sentar em um trono. Ela também é uma garota criada para ir para a guerra, mas uma guerra totalmente diferente da que luta atualmente. Eles nunca estiveram destinado a estar juntos, mas esse não é o desfecho de uma história de amor e sim, sobre o futuro de uma nação.

[…] Presa em uma tempestade, incapaz de me libertar, incapaz de fugir do que já fiz e continuei fazendo. Esse mundo é uma tempestade que ajudei a criar. 

Dizer adeus não é fácil, principalmente quando é de uma série que conquistou totalmente meu coração ou quando os personagens se tornam tão íntimos, que sofro mesmo tendo acontecido o melhor para eles, mesmo sabendo que eles não são reais. Imagina se despedir de tudo isso simultaneamente! Estou devastada e acho que nunca irei superar o desfecho de A Rainha Vermelha.

A narrativa de Tempestade de Guerra é muito parecida com a dos seus antecessores, mas ao mesmo tempo, é bem diferente. Os conflitos são inevitáveis, mas não teria como preencher quase 700 páginas apenas com batalhas. Há muito sobre a tensão entre os personagens, sobre as individualidades de cada um, o que torna o ritmo do livro um pouco mais lento.

Mare ainda é a narradora principal, dividindo o foco das atenções com a magnetron Angeline e Iris, a princesa de Lakeland. Após ler os três primeiros livros de forma quase sequencial, tive uma pequena dificuldade de lembrar os por menores do desfecho anterior. Iris foi um das primeiras narradoras e eu simplesmente não lembrava quem ela era! A galera do Instagram me ajudou bastante nessa missão, mas a autora aos poucos vai fornecendo informações que auxiliam os mais esquecidos, como eu.

Não existe um prateado "humilde" ou indefeso. Todos têm a capacidade de matar. Mas suponho que nós também. E todos os humanos do mundo.

Victoria Aveyard massacrou o coração dos leitores em toso os desfechos dessa série, e as cosias não seriam diferentes logo no último livro. Os desfechos foram acontecem ao longo dos últimos capítulos, de forma que não tivemos aquele cliffhanger desesperador, mas acho que só foi pior. A autora foi super crível, fazendo escolhas sensatas... mas eu não queria sensatez, queria a loucura! Sei que não deveria, mas aguardo ansiosa por a qualquer livros que me de um vislumbre do futuro desses personagens.

Um comentário

  1. Ahhhh!!! Tão bom ler que o desfecho da série foi bem a altura de como tudo começou.
    Como li apenas o primeiro livro, fico na expectativa para ler os demais livros e pretendo fazer isso em breve.
    Black chegando, quem sabe não dá para adquirir os demais livros!rs
    Amo as capas e quero muito ver o que Mare aprontou com tudo que lhe foi sendo entregue de uma vez.
    Lerei com certeza.
    Beijo

    ResponderExcluir


Mais que Livros - 2015. Todos os direitos reservados.
Tecnologia do Blogger.
Miss Mavith - Design with ♥