15 dezembro 2017

Resenha - Sussurros do País das Maravilhas, A.G. Howard


Livro: Sussurros do País das Maravilhas (Splintered # 1.5, 3.5)
Autor(a): A.G. Howard
Editora: Novo Conceito
Páginas: 272
Adquira: Submarino | Amazon
Livro cedido através da parceria com a editora
Alyssa Gardner entrou na toca do coelho para assumir o controle do seu destino. Ela sobreviveu à batalha pelo País das Maravilhas e pelo seu coração. No conto O Menino Na Teia, a mãe de Alyssa relembra o período em que viveu no País das Maravilhas e resgatou o homem que se tornaria seu marido e pai de sua filha. No A Mariposa No Espelho, conhecemos as lembranças de Morfeu, de quando ele mergulhou nas memórias de Jeb para descobrir os segredos dele e tentar ganhar, de uma vez por todas, o disputado coração de Alyssa. No Seis Coisas Impossíveis, Alyssa revive os momentos mais preciosos de sua vida após Qualquer outro lugar, e sobre o papel mágico que desempenhou para preservar a felicidade daqueles que ela ama. Neste livro você encontrará três contos de lembranças inéditas e inesquecíveis. Junte-se novamente aos personagens da série O Lado Mais Sombrio e embarque no fantástico mundo do País das Maravilhas.


Susurros do País das Maravilhas é um livro de contos destinado aos fãs da trilogia O Lado Mais Sombrio que veio para matar a saudade daqueles que se sentiram órfãs dessa série incrível após o término de Qualquer Outro Lugar.

Separado em três contos, dois exclusivos e um já publicado na Amazon, o livro nos trás histórias interessantes, sendo a primeira O Menino da Teia – Que se aprofunda mais no passado e nos dá vislumbres da vida de Alison e Thomas, pais de Alyssa. Nesse conto fica nítido para o leitor o quanto o destino deles já estava ligado ao mundo do País das Maravilhas, antes mesmo que Alyssa chegasse até lá, esse foi sem dúvida meu segundo conto favorito por mostrar os acontecimentos anteriores à história que eu já conhecia e por mostrar mais sobre a vida de Alyssa.

A Mariposa no Espelho - Nesse segundo conto temos Morfeu e suas tentativas de compreender os sentimentos de Alyssa por Jeb e por ele mesmo. Esse é o conto disponível na amazon e provavelmente muitos de vocês que acompanham a série já tenham lido. No entanto para quem ainda não conhece, A Mariposa no Espelho é uma ótima oportunidade de entendermos as motivações de Morfeu durante a leitura de Atrás do Espelho.

Antes dela, Morfeu levara a vida em solidão, sem nunca precisar de ninguém. Ele não fazia a menor ideia do feitiço que ela lhe lançara. Ela era mais que uma decepção, sempre jurando devoção ao lado errado. Seu encanto, porém, era inegável. 

Seis Coisas Impossíveis – O último conto é o mais longo e também o que mais me surpreendeu, essa história acontece após situações de Qualquer Outro Lugar e fala da escolha de Alyssa e da devoção de Morfeu a sua amada. Para os fãs da série esse conto com certeza irá render muitas lágrimas, foi simplesmente emocionante.

Em suma, Susurros do País das Maravilhas não foi meu livro favorito da série, mas sem dúvida foi um grande presente para os fãs que se encantaram pelo universo e pelos personagens criados pela autora. Só posso terminar essa resenha dizendo que já sinto saudades dessa série e indicando que leiam e embarquem também nessa aventura.



- - - - -
Postagem válida para o TOP COMENTARISTA, Participe!
Valendo um exemplar de Um beijo a meia-noite.

14 dezembro 2017

Resenha - O Príncipe Corvo, Elizabeth Hoyt


Livro: O Príncipe Corvo (Trilogia dos Príncipes #1)
Autor(a): Elizabeth Hoyt
Editora: Record
Páginas: 350
Adquira: Amazon
Livro cedido através da parceria com a editora
Anna Wren está tendo um dia difícil. Depois de quase ser atropelada por um cavaleiro arrogante, ela volta para casa e descobre que as finanças da família, que não iam bem desde a morte do marido, estão em situação difícil. Em que ela deve fazer o inimaginável... O conde de Swartingham não sabe o que fazer depois que dois secretários vão embora na calada da noite. Edward de Raaf precisa de alguém que consiga lidar com seu mau humor e comportamento rude. E encontrar um emprego. Quando Anna começa a trabalhar para o conde, parece que ambos resolveram seus problemas. Então ela descobre que ele planeja visitar o mais famoso bordel em Londres para atender a suas necessidades “masculinas”. Ora! Anna fica furiosa — e decide satisfazer seus desejos femininos… com o conde como seu desavisado amante.


Em pleno o século XVIII, Anna Wren é uma viúva que mora com a sogra, vendo suas economias chegarem ao fim e as dívidas se acumularem, ela decide buscar um emprego para manter a casa.

Já quase vencida pelo cansaço e fracasso na sua busca por um emprego, a jovem acaba esbarrando com o Administrador do Conde de Swartingham que, por acaso, também está desesperado tentando preencher a vaga de secretário do Conde. Já que, os dois últimos fugiram, abandonando o cargo na calada da noite.

13 dezembro 2017

Resenha - Todas as Garotas Desaparecidas, Megan Miranda


Livro: Todas as Garotas Desaparecidas (All The Missing Girls #1)
Autor(a): Megan Miranda
Editora: Verus
Páginas: 294
Adquira: Amazon
Livro cedido através da parceria com a editora
Faz dez anos que Nicolette Farrell deixou Cooley Ridge, sua cidadezinha natal, depois que sua melhor amiga, Corinne, desapareceu sem deixar rastros. De volta para resolver assuntos pendentes, Nic logo se vê imersa em um drama chocante que faz o caso de Corinne ser reaberto e remexe em antigas feridas. Logo ao chegar, Nic descobre que seu namorado da época está envolvido com Annaleise Carter, a jovem vizinha que foi o álibi do grupo de suspeitos para a noite do sumiço de Corinne. E então, poucos dias após a volta de Nic, Annaleise desaparece. Agora Nic precisa desvendar o desaparecimento de sua vizinha e, no processo, vai descobrir verdades chocantes sobre seus amigos, sua família e o que realmente aconteceu com Corinne naquela noite, dez anos atrás. Todas as Garotas Desaparecidas é um suspense psicológico impactante — contado de trás para frente. Quando você pensa que está seguindo por um caminho conhecido, Megan Miranda — autora revelação no gênero do suspense — vira tudo de cabeça para baixo e nos faz questionar até onde estaríamos dispostos a ir para proteger aqueles que amamos.

Resenha escrita em dupla com o Leo, do Recanto da Mi.


Aos 28 anos, Nicolette Farrell é uma mulher comum e até que bem resolvida. Ela está noiva de um advogado renomado, mora em um loft, tem um bom emprego como assistente social e quase não tem preocupações. Ela é o tipo de pessoa que prefere evitar qualquer tipo de conflito, tudo para ela está bom. Mas na verdade, Nic só quer viver sua vida, esquecendo feridas de seu passado.

Quando o irmão de Nic liga para ela, requisitando sua ajuda na reforma da propriedade da família, a jovem nem imagina como está prestes a ter uma reviravolta em seu caminho. A moça achou que só precisaria voltar e convencer seu pai a assinar os documentos para venda da casa, mas junto com ela, seu passado também voltou a assombrar a pequena cidade.

De volta à cidade, Nic se vê presa entre o passado e o presente, relembrando a situação que vivenciou dez anos atrás, quando sua melhor amiga, Corinne, desapareceu misteriosamente. Os principais suspeitos do crime tinham um álibi e, após algumas investigações, o caso foi encerrado. Essa é a maior dor de Nic e retornar para Cooley Ridge só piora isso.

Alguns dias após o retorno de Nic à cidade, Annaleise, a jovem que serviu de álibi para os suspeitos no passado, desaparece misteriosamente. Com esse sumiço repentino, Nic vai perceber que existe algo no desaparecimento de Corinne que ela deixou passar. Assim, a moça irá desenterrar seu passado e investigar o sumiço de Annaleise, que pode estar mais conectado à ela e Corinne do que imagina...

Querem saber o que vai acontecer? Então não deixem de ler!

***

LEO: Quando vi Todas as Garotas Desaparecidas, imediatamente me interessei. Resolvi solicitar a obra e ainda convenci Glaucia a pedir comigo, para lermos em conjunto. Contudo, com o passar do tempo, nosso interesse pela obra esfriou e, agora, quando finalmente pegamos para ler, as expectativas estavam lá no chão. E mesmo assim conseguimos nos decepcionar...

GLAUCIA: A escrita de Megan Miranda é fluida e bem desenvolvida. Assim como Fraude Legítima (de E. Lockhart, publicado pela Editora Seguinte), esta obra é contada toda de trás pra frente. Conforme a narrativa vai avançando, vamos conhecendo mais sobre o passado da protagonista e vendo os fatos se entrelaçando, deixando o leitor ansioso pelo desfecho do mistério.

LEO: Porém, a autora pecou bastante ao construir esse cenário de thriller. Minha vontade era de pular para as últimas páginas para ver a solução e depois jogar o livro de lado. Não consegui criar uma conexão com a protagonista, tampouco me sentir envolvido pelo mistério. Isso é péssimo quando se trata de thrillers, já que a emoção da jornada em busca de respostas é o que move o livro.

GLAUCIA: Além disso, senti que faltou algo na construção do enredo. A solução dada por Miranda é crível, sim, mas cadê aquele impacto? Fui com muita sede ao pote, esperando um banho de reviravoltas, e fui presenteada com uma narrativa morna e sem um pingo de ação... Decepção define!

LEO: A edição física está bem trabalhada. A capa, combinada com a sinopse e a diagramação, dá um tom mais mordaz à obra e deixa ela mais atraente. As páginas são amareladas e a fonte é de um tamanho agradável para leitura. A revisão está excelente!

GLAUCIA: Por fim, Todas as Garotas Desaparecidas é um livro que deixou bastante a desejar dentro do seu gênero. Nós, como fãs de thrillers, percebemos que a trama tinha potencial, só foi mal desenvolvida. Sendo assim, talvez novatos nesse gênero possam gostar da obra e se surpreender, então vamos recomendar. Mas se você é um leitor assíduo desse estilo de obra, passe bem longe desta.

- - - - -
Postagem válida para o TOP COMENTARISTA, Participe!
Valendo um exemplar de Um beijo a meia-noite.

12 dezembro 2017

Resenha - Cretino Abusado, Penelope Ward e Vi Keeland


Livro: Cretino Abusado (Cocky Bastard #1)
Autor(a): Vi Keeland e Penelope Ward
Editora: Essência
Páginas: 272
Adquira: Amazon
Livro cedido através da parceria com a editora
Após ser traída pelo ex-namorado – chefe da firma de advocacia em que trabalhava – Aubrey decide que precisa de um recomeço. Deixa tudo para trás e aceita um emprego em uma startup na Califórnia, Estados Unidos, e parte em uma viagem de carro que mudará toda a sua vida. Em uma parada na estrada, Aubrey conhece Chance, um homem atraente que viajava de moto. Com o corpo perfeito e sotaque australiano, o ex-jogador de futebol era bem convencido e arrogante. Quando sua moto quebra, Chance precisa da ajuda de Aubrey. Ele promete levá-la em segurança até seu destino em troca de uma carona, e os dois decidem seguir viagem juntos. Aubrey está traumatizada após seu último relacionamento, mas sente uma atração incontrolável por aquele cretino abusado. Apesar da ligação cada vez mais forte entre os dois, Chance guarda um segredo que poderá separá-los para sempre.


Aubrey precisava de um empurrão do destino para mudar algumas coisas em sua vida, mas não precisava ser um golpe tão forte. Ela acabou de descobrir que seu ex-namorado e ex-chefe é um grande babaca. Decidida a colocar a maior distância possível entre eles, Aubrey pede demissão e tenta refazer sua vida em outro estado.

Ela embarca em uma viagem de carro para atravessar o país e, em uma de suas paradas, acaba conhecendo um motoqueiro arrogante, convencido e extremamente bonito. Esse encontro não geraria mais do que uma troca de palavras e um bonequinho de parabrisa se a moto de Chance não tivesse quebrado naquele exato momento, seguido pelo pneu furado dela. Por coincidência os dois tinham o mesmo destino e como Chance precisava correr para chegar lá, eles entraram em um acordo. Ele a ajudaria em troca de uma carona e bem, o que Aubrey poderia perder com esse acordo?

11 dezembro 2017

Sorteio de Natal


a Rafflecopter giveaway

Resenha - A corte de luz, Richelle Mead


Livro: A corte de luz (The Glittering Court #1)
Autor(a): Richelle Mead
Editora: Outro Planeta
Páginas: 400
Adquira: Amazon
Livro cedido através da parceria com a editora
Elizabeth, condessa de Rothford, foi condenada a um casamento arranjado com um rico – e entediante – comerciante de cevada. Pra fugir desse destino, a garota assume a identidade de uma de suas criadas e foge em uma carruagem em direção à floresta de Adoria. Lá, Elizabeth, que agora atende por Adelaide, é acolhida na Corte de Luz, uma espécie de internato que capacita jovens de baixa renda e as transforma em verdadeiras damas da sociedade. A condessa disfarçada de serviçal sai-se muito bem nas atividades da escola e, em pouco tempo, chama a atenção de Cedric, o filho do dono do lugar. Uma poderosa atração nasce entre Cedric e a misteriosa Adelaide, colocando não só o disfarce da garota em risco, mas também um grande segredo que o rapaz procura esconder a todo custo.


Lady Whitmore é herdeira de um título falido. Há algum tempo ela e sua avó esperam um milagre que possa salvá-las da desgraça. Quando ele aparece na forma de um primo desconhecido, com tiques irritantes, mas que vem fazendo fortuna com o comercio de cereais, o alivio que esperava sentir foi substituído pelo desespero. Ela não esperava o amor, uma garota em sua posição sabe que o casamento é um negócio, mas ela imaginava ter uma relação agradável.

Todos os indícios a levaram a crer que seu destino seria uma vida deprimente no campo, sob a vigilância contínua da sua futura sogra e onde seria obrigada a comer cevada em todas as refeições. O pior era saber que sua avó ainda não estaria a salvo, precisando depender da caridade de algum conhecido para não ficar desabrigada. Em quanto buscava uma saída, acabou conhecendo a Corte de Luz. Tudo que ela precisava era assumir a identidade de sua criada e estar em um lugar onde a condessa de Rothford nunca seria autorizada a ir sozinha.

10 dezembro 2017

Resenha - Bruxas: Laços de Magia, Tiffany Calligaris


Livro: Bruxas: Laços de Magia (Witches #1)
Autor(a): Tiffany Calligaris
Editora: Outro Planeta
Páginas: 320
Adquira: Submarino | Amazon
Livro cedido através da parceria com a editora
O livro acompanha o dia a dia da universitária Madison Ashford, que cursa Design Gráfico na Universidade Van Tassel, em Boston. Ela está no segundo ano e divide um pequeno apartamento com sua melhor amiga, Lucy. Madison namora Derek, atleta da instituição, mas, quando o misterioso e atraente Michael Darmoon inicia seu curso em sua classe, ela se sente estranhamente atraída por ele. Na mesma época em que Michael e suas exóticas primas, todos nascidos em Salem (a terra das bruxas), se mudam para Boston, situações bizarras começam a ocorrer no campus e Madison acaba sendo alvo de alguns desses acontecimentos. E este romance da best-seller argentina Tiffany Calligaris vai agradar a fãs de Harry Potter e Crepúsculo.


Bruxas – Laços de Magia é o primeiro volume da saga Witches, escrito pela autora argentina Tiffany Calligaris, conhecida como a rainha da fantasia em seu país. Publicado no Brasil pelo Grupo Planeta através do selo Outro Planeta, o livro promete agradar fãs de Crepúsculo e Harry Potter que resolverem embarcar nessa aventura cheia de magia.

Mais que Livros - 2015. Todos os direitos reservados.
Tecnologia do Blogger.
Miss Mavith - Design with ♥