15 fevereiro 2018

Resenha - Sem Fôlego, Abbi Glines


Livro: Sem Fôlego (Sea Breeze #1)
Autor(a): Abbi Glines
Editora: Arqueiro
Páginas: 272
Adquira: Submarino | Amazon
Livro cedido através da parceria com a editora
Sadie White acabou de se mudar com a mãe grávida para a cidade litorânea de Sea Breeze, mas seu emprego de verão não vai ser na praia. Como a mãe dela se recusa a trabalhar, Sadie vai substituí-la como empregada doméstica numa mansão na ilha vizinha. Quando os donos da casa chegam para as férias, Sadie se depara com ninguém menos que Jax Stone, um dos roqueiros mais desejados do mundo. Se Sadie fosse uma garota normal – se ela não tivesse passado a vida cuidando da mãe e dos afazeres domésticos –, talvez estivesse impressionada com a ideia de trabalhar para um astro do rock. Mas ela não está.
Na verdade, é Jax quem fica atraído por ela. Tudo a respeito de Sadie o fascina, mas ele luta contra esse desejo: relacionamentos nunca funcionam em seu mundo e, por mais que ele queira Sadie, sabe que ela merece algo melhor. Conforme o verão passa, no entanto, essa paixão começa a deixá-lo sem fôlego – e é como se Sadie fosse a única pessoa capaz de lhe devolver o oxigênio. Será que o amor entre os dois pode superar as diferenças em seus estilos de vida? Jax e Sadie vão precisar respirar fundo e mergulhar nessa relação para descobrir.

Sadie tem apenas dezessete anos, mas desde muito cedo aprendeu que precisava amadurecer e agir como adulta, já que sua mãe nunca se empenhou em fazer esse papel, pelo contrário, Jéssica teve Sadie ainda muito jovem ao se envolver com o homem errado, mas ao invés de aprender com seus erros, ela decidiu continuar a viver sua “adolescência”, se envolvendo com qualquer um que se mostrasse interessado.

O único problema é que agora ela está novamente grávida, e usa isso como desculpa para não comparecer mais ao trabalho, pedindo a filha que ocupe sua vaga de domestica na casa onde trabalha. Como se não bastasse ter que lidar com a falta de responsabilidade da mãe durante todos esses anos, Sadie agora precisará trabalhar para manter Jéssica e o bebê que em breve chegará. Ela só não imagina que seu novo emprego é na mansão de Jax Stone, um famoso rockstar adolescente.

Adolescentes normais davam risada e flertavam pelas calçadas. Romances de verão não faziam parte da minha realidade, mas pareciam bem importantes por aqui. As meninas do Alabama e referiam aos turistas como “garotos do verão”. Nunca entendi isso direito, mas por outro lado, eu não era parâmetro.

Por ser a funcionária mais jovem, Sadie precisará mostrar seu valor à governanta da casa e convencê-la de que não é apenas mais uma fã fanática em busca da oportunidade de conhecer seu ídolo de perto, por isso ela fará de tudo para manter-se longe de Jax e de sua atenção. Mas seu esforço para manter-se neutra logo chamará a atenção de Jax, que está acostumado a ter as mulheres a seus pés. A indiferença de Sadie invés de repeli-lo despertará seu interesse e colocará a prova sentimentos que ela jamais imaginou que pudesse ser despertado.

Quando a Editora Arqueiro anunciou o lançamento de Sem Fôlego, imediatamente me vi querendo conhecer essa história só por conter o nome de Abbi na capa. No entanto imaginei que encontraria personagens mais maduros, como na série Rosemary Beach, o que foi um grande engano.

Sadie é a típica adolescente linda, mas insegura de sua beleza e de seu lugar no mundo, e mesmo achando isso um tanto clichê, cheguei a conclusão de que não poderia esperar muito mais de uma adolescente com uma base familiar tão impactada emocionalmente como a dela. Ela é forte, responsável, mas não possui tempo para amigos e para se descobrir, já que sua mãe lhe roubou boa parte da juventude, e despejou sobre a filha responsabilidades que ela não deveria ter tão cedo.

Jax é lindo, rico, famoso e talentoso. Em seus 19 anos, ele jamais imaginou encontrar espaço para o amor em sua vida, afinal um astro do rock não tem tempo para relacionamentos. Sem contar que ele jamais se apaixonou. Mas Sadie o faz questionar tudo o que acredita sobre amor, e quanto mais a observa, mas ele se sente fisgado por essa garota. Será que ele finalmente encontrou o amor de sua vida?

Por se tratar de um livro curto e personagens muito jovens, o romance entre Sadie e Jax acontece de forma bem rápida e logo eles não conseguem se desgrudar um momento sequer. É um romance fofo e de primeiras vezes para os dois, já que nunca amaram alguém e estão vivendo a plenitude do primeiro amor.

Com toda a falta de maturidade que vem no início da vida romântica de qualquer casal, acompanhamos muitos desentendimentos desnecessários, drama adolescente e ciúmes durante o desenrolar da trama, o que por vezes me irritou bastante, mas também deu aquele ar de veracidade a história.

Ainda temos personagens secundários de importância inseridos no enredo, como Marcus, um amigo do trabalho que também se apaixona por Sadie. Amanda, que se tornará uma boa amiga e a querida Sra. Mary, que se afeiçoará a Sadie como uma mãe.

Concluindo, Sem Fôlego é um livro sobre primeiro amor, amizades e família. Embora possua uma história clichê, é um romance leve, rápido e divertido, aquele estilo de livro para ser ler entre história mais densas. Indico a leitura para os fãs da autora e para aqueles que ainda não conhecem sua escrita.


- - - - -
Postagem válida para o TOP COMENTARISTA, Participe!
Valendo um exemplar de Contra Todas as Probabilidades do Amor.

4 comentários

  1. Tenho pouco contato com as letras da autora, mas em contrapartida, amo um bom romance juvenil. Que traga personagens em busca de crescimento, primeiro amor e também, novas descobertas, mesmo que isso não seja de escolha particular.
    Babei literalmente quando vi a capa deste primeiro livro e se tiver oportunidade, quero muito poder conferir!!!
    Beijo

    ResponderExcluir
  2. Oi, Glaucia.

    Esse romance um tanto quanto proibido entre patrão e empregada, ou seja, entre a Sadie e o Jax, com certeza resultaria na desaprovação das pessoas, diante de suas diferenças de vidas.

    E ter uma grande responsabilidade sobre si, com certeza para ela, não é fácil.

    ResponderExcluir
  3. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  4. Não sou muito fã de livros desse gênero e eu não gosto muito das obras da EBI glines por isso sempre acaba pulando muitas partes do livro que acabam sendo fundamentais para o desenrolar da história

    ResponderExcluir


Mais que Livros - 2015. Todos os direitos reservados.
Tecnologia do Blogger.
Miss Mavith - Design with ♥