19 agosto 2016

Resenha - PAX, Sara Pennypacker



Livro: Pax
Autor(a): Sara Pennypacker
Editora: Intrínseca
Páginas: 333
Adquira: Saraiva | Submarino | Travessa | Americanas | Livraria Cultura
Livro cedido através da parceria com a editora
Peter e sua raposa são inseparáveis desde que ele a resgatou, órfã, ainda filhote. Um dia, o inimaginável acontece: o pai do menino vai servir na guerra, e o obriga a devolver Pax à natureza. Ao chegar à distante casa do avô, onde passará a morar, Peter reconhece que não está onde deveria: seu verdadeiro lugar é ao lado de Pax. Movido por amor, lealdade e culpa, ele parte em uma jornada solitária de quase quinhentos quilômetros para reencontrar sua raposa, apesar da guerra que se aproxima. Enquanto isso, mesmo sem desistir de esperar por seu menino, Pax embarca em suas próprias aventuras e descobertas. Alternando perspectivas para mostrar os caminhos paralelos dos dois personagens centrais, Pax expõe o desenvolvimento do menino em sua tentativa de enfrentar a ferocidade herdada pelo pai, enquanto a raposa, domesticada, segue o caminho contrário, de explorar sua natureza selvagem. Um romance atemporal e para todas as idades, que aborda relações familiares, a relação do homem com o ambiente e os perigos que carregamos dentro de nós mesmos. Pax emociona o leitor desde a primeira página. Um mundo repleto de sentimentos em que natureza e humanidade se encontram numa história que celebra a lealdade e o amor.


Peter e Pax eram amigos inseparáveis e compartilhavam da mais pura relação de amor e cumplicidade existente entre um ser humano e um animal. Desde que perdera a mãe a cinco anos atrás, o menino encontrou no bichinho de estimação a companhia de que necessitava. Afinal pouco podia contar com o pai para lhe dar mais do que sustento e uma casa para morar.
Porém tudo muda quando Peter ao obedecer às ordens do pai abandona sua raposa domesticada a própria sorte. O menino não teve muita escolha, já que o carrasco em forma de pai que o criava estava indo para a guerra e precisava deixar o filho em uma cidade distante aos cuidados do avô que não aceitaria uma raposa em casa.

Durante a trama que alterna entre a trajetória de Peter e sua raposa, é possível compreendermos mais sobre o passado dessas personagens e entender como a separação está sendo difícil para ambos os lados. Peter agora precisa enfrentar sua nova vida em uma cidade diferente e Pax precisa conhecer melhor seus instintos para sobreviver em meio à natureza e a guerra.

Porém chegando a casa do avô e conhecendo mais sobre a infância e vida do pai, Peter percebe que não pode ficar naquele lugar sem sua raposa, ele precisa resgata-la e reconquistar sua confiança.

Traçando um plano para retornar as escondias ao local onde deixara seu bichinho, o menino parte em uma jornada em busca de reencontrar o pequeno amigo. Em contrapartida, Pax que sempre sentiu-se responsável pela segurança de seu humano tenta a todo custo encontrar o caminho de casa que o leve de volta para os braços de “seu menino”.

Mas eles nem imaginavam quão longa seria a jornada, e que seria impossível enfrentar as dificuldades do caminho sem a ajuda de amigos. Durante essa trajetória, raposa e menino farão laços que lhes proporcionaram novas experiências e os ajudarão a seguir em frente.

Durante a trama ambos os personagens amadurecem e enfrentam suas fraquezas, principalmente Peter que nunca lutou pelos seus desejos e sempre tentou reprimir suas vontades por medo de se tornar um homem violento e amargurado como o pai. Enquanto Peter deixa para trás o menino submisso e começa a trabalhar sua autoconfiança, Pax descobre um mundo novo, com diversas possibilidades a serem exploradas.

Em relação ao desfecho da história confesso que não foi algo que eu esperava, mas que temia acontecer. Contudo após refletir percebi que a lição por trás da trama não tinha ligação com o final da história, mas sim com a trajetória e o aprendizado adquiridos durante essa jornada.

Ao longo do enredo a autora ainda aborda temas relevantes como o preconceito, aceitação e a autodescoberta.

Em relação à edição física só posso elogiar a Editora Intrínseca pela diagramação do livro que está uma gracinha e pela capa dura que com certeza é um diferencial para qualquer livro. As folhas são amareladas, o livro possui gravuras relacionadas a história e não encontrei erro de revisão.

Para quem busca uma história tocante contada de forma leve e fluída, Pax com certamente é leitura indicada.



- - - - -
Postagem válida para o TOP COMENTARISTA, Participe!
Valendo um exemplar de Três Coisas Sobre Você.

12 comentários

  1. Olá!
    Tenho que confessar que a primeira vista não tive vontade de ler este livro, achei que seria uma estória bobinha, mas ao acompanhar esta semana de Pax me senti totalmente tentada a comprar este livro e finalmente entrar para este mundo de Peter e Pax. Suas resenhas ficaram muito boas e fiquei aliviada ao ver que não tinha nenhum spoiler. A edição é realmente muito linda e a capa dura é um diferencial. Adorei.

    ResponderExcluir
  2. Cada vez que leio algo sobre este livro fico ainda mais interessada nele, se possível hahaha! Todo o trabalho da escritora e da editora deixaram o livro incrível. Adorei que o livro seja de capa dura e a sua resenha está ótima. Estou ansiosa para ler!

    ResponderExcluir
  3. Oi.
    Essa semana foi ótima aqui no blog, pois conhecer mais desse livro, que já havia me conquistado desde suas primeiras divulgações, me deixou mais certa de que será uma ótima leitura. Sua resenha está perfeita e seus posts durante a semana, estavam lindos e motivadores. Parabéns! Beijos.

    ResponderExcluir
  4. A primeira coisa que pensei foi exatamente em O Pequeno Príncipe, por ser uma temática semelhante, mas fico feliz em saber que é diferente, afinal temos tido tanto mais do mesmo que tem sido difícil se encantar e descobrir algo novo de verdade.
    Vola me parece ser uma personagem interessante, talvez leria o livro por ela, embora não seja principal, gostei da descrição dela.
    Beijos

    ResponderExcluir
  5. Depois de tudo que este livro nos proporcionou nesta semana, era justíssimo encerrar com uma resenha destas!!!
    Perfeita!!!
    Esse ar de pureza, ingenuidade(sim, dignos do clássico do Pequeno Príncipe), possa ser lido e sentido por muitos leitores!!!
    Beijos

    ResponderExcluir
  6. Estou tão ansiosa para ler este livro, pena que não sei quando vou poder comprar.
    A história me chamou muito a atenção e parece ser bem emocionante.

    ResponderExcluir
  7. Oi tudo bem.
    Adorei o especial do pax,ficar um pouco mais do dentro do livro,quero muito le-lo e depois desse especial fiquei ainda mais curiosa ,pra saber dessa relaçao de amizade entre o peter e o pax.otima resenha.
    Um abraço e muito sucesso :)

    ResponderExcluir
  8. Poxa ler mais e mais sobre esse livro está me deixando em super depressão, porque estou sem dinheirinhos e estou desejando esse livro mais do que nunca. Cada post que leio aqui fico mais e mais apegada á essa história, e os aprendizados que ele traz são mega importantes!

    ResponderExcluir
  9. Oi Glaucia,
    Depois de acompanhar essa semana especial e conhecer um pouco mais desse livro que já havia me conquistado desde o lançamento, fiquei com o sentimento de que preciso ler essa bela história o quanto antes! Como uma apaixonada e protetora de animais, sei que não é fácil ter que se separar do fiel amigo, com certeza vou ficar cativada por essa amizade tão pura e sincera entre o Peter e Pax.
    Adoro livros onde podemos acompanhar a jornada de amadurecimento dos personagens, sempre traz boas lições, e agora sabendo que a autora tratou também de outros temas, fiquei ainda mais feliz, com certeza será uma leitura muito especial.
    Beijos

    ResponderExcluir
  10. Estou doida pra ler esse livro, curto muito uma história com animais e melhor ainda quando tem o ponto de vista do mesmo, parece super emocionante e cada resenha que leio dele me deixa ainda mais ansiosa em conferi essa história.

    ResponderExcluir
  11. Esse deve ser um livro muito fofo e com um grande ensinamento. Espero ter a oportunidade de ler em breve!
    A edição está realmente linda!

    ResponderExcluir


Mais que Livros - 2015. Todos os direitos reservados.
Tecnologia do Blogger.
Miss Mavith - Design with ♥