17 julho 2017

Resenha - Dez mil céus sobre você, Claudia Gray


Livro: Dez mil céus sobre você (Firebird #2)
Autor(a): Claudia Gray
Editora: Agir Now
Páginas: 336
Adquira: Saraiva | Amazon
Livro cedido através da parceria com a editora
Marguerite Caine fez o impossível, viajando por dimensões alternativas com o Firebird — uma invenção brilhante criada por seus pais, seu namorado, Paul, e o amigo da família, Theo. Mas ela também chamou a atenção de inimigos poderosos, dispostos a sequestrar, chantagear e até matar para usar os poderes do Firebird para propósitos escusos. Quando a alma de Paul é dividida em quatro fragmentos — que se encontram presos dentro de Pauls em outras dimensões —, Marguerite fará qualquer coisa e irá a qualquer lugar para salvá-lo. Mas o preço de seu retorno em segurança é alto. Se ela não sabotar os próprios pais em múltiplos universos, Paul vai continuar perdido para sempre. Mas Marguerite acredita que é possível salvar seu amor sem sacrificar a família, e para isso pede a ajuda do brilhante Theo. Os dois criam um plano para recuperar Paul e o Firebird, mas para que ele dê certo eles precisarão superar um concorrente genial e vão colocar em risco não só sua vida mas também a de todas as versões de si mesmos em várias dimensões. Desta vez a missão leva os dois aos universos mais perigosos até então: uma São Francisco dividida pela guerra, o submundo do crime de Nova York e uma Paris iluminada onde a outra Marguerite esconde um segredo chocante. Cada salto deixa Marguerite mais perto de salvar Paul — mas sua jornada revela verdades sombrias que fazem com que duvide da única constante que encontrou em todos os mundos: o amor que sentem um pelo outro.

ESSA RESENHA PODE CONTER SPOILER DO LIVRO ANTERIOR.
LEIA A RESENHA DE MIL PEDAÇOS DE VOCÊ.


Na primeira vez que Marguerite usou o firebird, um equipamento inventado pela equipe de seus pais, seu objetivo era ir atrás do homem que, aparentemente, traiu sua família. A viagem não só comprovou a teoria de sua mãe sobre a existência de universos paralelos, como também mostrou que o inimigo não é quem ela imaginava ser.

Na primeira vez que eu viajei para outra dimensão, fui pensando em tirar a vida de alguém. Agora meu plano é salvar uma vida.

A Tríade é maior empresa de tecnologia da atualidade. Pensando sempre um passo a frente, eles apoiaram as pesquisas de Sophie Caine e acabaram financiando todo o projeto do firebird. O que lhes concedia um certo poder sob os rumos da pesquisa, mas não o suficiente para subjugar a ética da Dra. Caine. Quando Marguerite retorna para casa com informações relevantes a cerca dos interesses escusos da Tríade, as ameaças veladas se tornara muito reais.

Paul foi sequestrado enquanto coletar novas informações sobre os planos da Tríade e acabou sendo usado para chantagear aqueles que queria proteger. Sua alma foi espalhada pelo multiverso, fragmentada em quatro pedaços e se ninguém as reunisse novamente, ele estaria perdido para sempre. Marguerite não hesita em aceitar a proposta que salvará seu namorado mas, para tentar minimizar os danos que precisará causar, ela contará com a ajuda brilhante de Theo.

Dez mil céus  e um milhão de universos e ainda seria pouco para viver com você. Nada menos que  o para sempre.

Se o primeiro livro demorou para me prender à história, aqui a ação me manteve vidrada desde o início. Em Dez mil céus sobre você vamos conhecer quatro novos mundos e dessa vez, as mudanças entre os personagens que conhecemos e suas outras verões serão ainda mais fortes. O ditado que diz 'nem tudo o que pare é' deve ser levado em consideração a cada nova página.

A capa do livro é composta por uma versão da cidade de São Francisco que foi destruída pela guerra e por uma Paris que pertence ao que chamamos de russoverso. Mais uma vez esse se tornou o meu universo favorito! É o único momento em que a personagem volta a um universo por onde ela já passou e pode verificar as consequências que seus atos tiveram naquela vida. Todos universos desse livro são muito diferentes entre si, e cada um deles deixa sua marca em Marguerite.

Marguerite sempre acreditou que o amor que ela sentia seria inabalável em qualquer universos que fosse. Descobrir que as coisas não funcionam exatamente assim mexem muito com ela e também com o leitor. É fácil querer se apaixonar mais por determinado personagem ou passar a odiar outro por conta de suas novas verões, mas precisamos lembrar que a versão alternativa deles não são eles. Por mais que alguns traços de personalidade se mantenham inalterados, cada versão possui seu livre arbítrio.

Estarrecida é uma palavra que definem bem meu estado ao final dessa leitura. Foram tantas reviravoltas ao longo da trama que eu nem deveria me surpreender com os acontecimentos, mas a imaginação da autora não tem fim. Já estou com o coração na mão só de pensar como os fatos irão se desenrolar no último livro da trilogia.

Ficção científica não é um gênero que me atrai muito, mas a trilogia Firebird está me surpreendendo a cada livro! Quem ainda não teve a oportunidade de conhecer está perdendo uma história incrível!

- - - - -
Postagem válida para o TOP COMENTARISTA, Participe!
Valendo um exemplar de Meus dias com você.

6 comentários

  1. É muito gostoso quando encontramos uma história completa e fluida, que vai mudando de tom a cada página lida, e terminando com uma trama intensa, digna de um filme. Quero fazer a leitura dessa trilogia em breve e espero me surpreender com histórias bem desenvolvidas, empolgantes e recheadas de intrigas e conspirações.
    Bjos!

    ResponderExcluir
  2. Nosso coração não fica nada bem quando a imaginação de autores não tem fim né? Eles acabam com a gente!
    Fora que ter que esperar as continuações serem lançadas não é nada legal rs
    Estou bem curiosa e animada pra ler o primeiro livro. Parece ser uma história muito bem desenvolvida e envolvente.
    Fiquei intrigada com esse equipamento, firebird, e em relação aos personagens e a aventura em si.
    Sua resenha me deixou animada e espero conferir esses livros em breve.
    Beijos
    Caroline Garcia

    ResponderExcluir
  3. Foi legal ver que a autora realmente se superou nesse segundo livro, trazendo uma leitura divertida, rápida e cheia de aventuras e descobertas incríveis. Sou um alvo fácil quando falam desse tipo de livro, e com a dica de hoje, impossível resistir á uma leitura que sei que vou gostar.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  4. Como não me recordava da resenha do primeiro livro, tive que buscar no blog e mesmo não sendo tão fã de ficção científica, a história me chamou muito a atenção.
    Adoro isso de viagens no tempo, ainda mais se de quebra, conter um romance no meio.
    O ir descobrindo a verdade por trás das pessoas também é outro ponto importante, nem todos são de fato, quem aparentam ser!
    Vou colocar na lista de desejados!
    Beijo

    ResponderExcluir
  5. Oi Dreeh,
    Nossa, quero muito ler o primeiro livro Mil Pedaços de Você, os comentários me deixam bem empolgada. Acho a trama dessa trilogia bem original, com muitos mistérios e aventuras. O universo criado pela autora é fascinante, com muitas criticas e reflexões à nossa sociedade atual, afinal os universos paralelos trazem muitos questionamentos de como seria viver num mundo com um desfecho diferente das tantas guerras.
    Espero ter a oportunidade de ler logo essa trama surpreendente e repleta de reviravoltas.
    Beijos

    ResponderExcluir
  6. Olá!
    Tinha lido a resenha do primeiro livro e me encantei pela história. Tem uma premissa maravilhosa esse segundo. É muito bom quando vemos uma continuação e descobrimos coisas novas.

    ResponderExcluir


Mais que Livros - 2015. Todos os direitos reservados.
Tecnologia do Blogger.
Miss Mavith - Design with ♥