14 fevereiro 2017

Resenha - Ao seu encontro, Abbi Glines


Livro: Ao seu encontro (Rosemary Beach #11)
Autor(a): Abbi Glines
Editora: Arqueiro
Páginas: 224
Adquira: Saraiva | Submarino | Americanas | Cultura
Livro cedido através da parceria com a editora
Há apenas alguns meses, um encontro inesperado numa casa em Rosemary Beach se transformou num romance de conto de fadas. Agora Reese está prestes a ir morar com Mase na fazenda dele, no Texas. Com o apoio e o amor da família do namorado e a recente descoberta de que ela mesma tem uma família com a qual contar, Reese pode enfim superar os horrores do passado e se concentrar no futuro promissor que a aguarda. No entanto, no que depender de Aida, isso não vai acontecer. A beldade loura e Mase foram criados como primos, mas logo fica claro para Reese que o amor da jovem por ele está muito longe do que se deveria ter por um parente. Ao mesmo tempo que Reese tenta entender a relação dos dois e não se sentir ameaçada, entra em cena Capitão, um estranho que parece estar, convenientemente, em todos os lugares que ela frequenta. Bonito, sensual, misterioso e dono de uma franqueza desconcertante, ele não tem medo de dizer o que pensa de Mase - nem como se sente a respeito de Reese. Enquanto a competição pelo coração de Mase e de Reese esquenta cada vez mais, algumas perguntas em relação ao passado dela começam a ser enfim respondidas, revelando verdades chocantes que vão mudar para sempre a vida do casal. Em Ao Seu Encontro, Abbi Glines conclui a história que começou em À Sua Espera. Com a escrita romântica e voluptuosa que a consagrou, ela constrói mais uma narrativa envolvente, com personagens que vão mexer com as nossas emoções até o final.

Ao seu encontro é o décimo primeiro livro da série Rosemary Beach, lançado no Brasil pela Editora Arqueiro que dará sequência ao desfecho da história de Reese e Mase.

Depois de conseguir enfrentar parte de seus traumas da infância e adolescência e conhecer o pai e a nova família que nem sabia que existia, Reese finalmente pode enxergar a vida com outros olhos e revelar-se uma moça com sonhos e perspectivas maiores. Ela nunca se sentiu capaz e confiante para planejar melhoras em seu trabalho ou na própria vida e grande parte de sua evolução aconteceu devido à ajuda e perseverança de Mase.

Antes de Reese, eu não sabia que o mundo podia ser cheio de sonhos. Que era possível acordar todo dia empolgado por respirar. Que um sorriso da pessoa amada pode fazer alguém se sentir uma criança de novo. O amor dela vale.. vale isso tudo. Viver com medo do amor não é viver.

Mais apaixonados do que nunca e incapazes de suportar a saudade imposta pela distância, Reese e Mase decidem dar um passo maior e juntar as “escovas de dente” no Texas, onde o rapaz possui um rancho com a mãe e o padrasto. Mas esse relacionamento será testado de ambos os lados, e sentimentos antes desconhecidos nesse namoro surgirão quando Aída, a prima de criação de Mase entrar em cena. Aída é extremamente mimada e a todo custo requer a atenção e disponibilidade do primo que só tem olhos para a nova namorada, algo que a incomoda desde o início e ativa seu lado cascavel mais intenso, sim, essa mulher é uma cobra.

Reese por outro lado com toda a sua inexperiência em relacionamentos aceitará os caprichos da prima do namorado e engolirá sapo atrás de sapo com a intenção de manter a situação agradável para todos os envolvidos, mesmo que isso signifique sua própria infelicidade. Em contrapartida Mase como o bom moço que é fica entre a cruz e a espada defendendo a amada das grosserias e abusos da prima, enquanto tenta consolar a pobre Aída por não ser o centro das atenções. Confesso que essa situação me irritou bastante, já que o problema custa a ser resolvido e acaba ganhando uma proporção maior do que deveria.

E como se não bastasse às intromissões de Aída, ainda temos Capitão - o irmão de Blair que entra em cena e demonstra descaradamente que deseja ter Reese só para ele, insinuando que Mase não é bom o suficiente para a moça. Em meio ao desconforto da situação, a insegurança entre o casal começa a surgir, colocando a prova o sentimento verdadeiro que apenas começaram a construir.

Quando li Á sua espera, primeiro livro que conta a história de Mase e Reese, fiquei completamente apaixonada pelo casal e por seus dilemas. Reese era uma mulher com a confiança abalada e acompanhar suas batalhas diárias para superar seus traumas e vencer seus limites foi gratificante. Mase por outro lado me encantou por ser o verdadeiro homem dos sonhos, ele é atencioso, protetor, seguro de si e está sempre disposto a defender com unhas e dentes aqueles que ama. Por isso minhas expectativas quando iniciei a continuação dessa história eram completamente diferentes. Senti falta de um maior desenvolvimento sobre a família de Reese que surgiu apenas no final do primeiro livro e me entristeci ao perceber que o casal cheio de confiança que eu conheci estava regredindo e falhando na comunicação. O ciúme e a insegurança acabaram falando mais alto, algo que acabou semeando dúvidas no relacionamento.

Contudo no decorrer da trama e depois de muito sofrimento, a autora foi amadurecendo o casal e até me fez compreender a necessidade de todo esse reboliço para pôr a prova esse relacionamento que ganhou força em tão pouco tempo. Alguns assuntos deixados de lado lá no início foram se desenvolvendo devido as circunstâncias, e outra perspectiva relacionada a um tal personagem surgiu me deixando completamente boquiaberta. E isso certamente foi um dos pontos altos da história. Reese e Mase finalmente aprenderam o poder que uma boa conversa tem e o quanto a confiança é fator primordial em qualquer relacionamento.

Em relação à edição física, a capa do livro é simples, as folhas são amareladas, a fonte em tamanho grande e não me lembro de ter encontrado erros de revisão.

Em suma, indico o livro para os amantes de romance e para aqueles que ainda não conhecem a escrita leve, descontraída e viciante de Abbi Glines.

- - - - -
Postagem válida para o TOP COMENTARISTA, Participe!
Valendo um exemplar de Princesa de Papel



8 comentários

  1. É claro que já tinha lido e ouvido muito sobre esta série, mas ouso dizer que é uma série bem comum e incomum ao mesmo tempo. Tipo uma relação amor e ódio mesmo. Já li gente praguejando e em contrapartida, outras leitoras suspirando.
    Eu sou uma romântica incurável e espero poder conhecer logo a história de altos e baixos do casal.
    Beijo

    ResponderExcluir
  2. Oi.
    Eu adoro essa série da Abbi, Mase e Reese são um dos meus casais preferidos.
    Como você mesma falou é possível ver o amadurecimento do casal e isso que gosto bastante principalmente Reese no quesito confiança.
    Boa Tarde.

    ResponderExcluir
  3. Ainda não li nenhum livro da autora, tenho receio dessa série por ser muitos livros, mas é bem comentada. Nossa nem li e já fiquei com raiva dessa peste da Aída cobra combina bem com ela rs. Reese me irritaria e muito pois da moleza pra essa prima do Mase deveria é rodar a baiana kk.

    ResponderExcluir
  4. Glaucia!
    Indicação aceita, nunca li nada da autora, embora sempre veja boas resenhas sobre seus livros e como amo romances, inclusive aqueles que tem uma 'pegada' mais voltada para o erotismo, preciso ler o livro e conhecer a autora.
    “O saber é saber que nada se sabe. Este é a definição do verdadeiro conhecimento.” (Confúcio)
    cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/
    TOP Comentarista de FEVEREIRO, livros + KIT DE MATERIAL ESCOLAR e 3 ganhadores, participem!

    ResponderExcluir
  5. Oii Glaucia, tudo bem? Gostei muito da resenha! Eu li acho que os 6 primeiros da serie e infelizmente perdi um pouco do encanto que sentia pelos livros da Abbi, que acabaram se tornando mais do mesmo pra mim, sabe? Aquela velha fórmula. Mas de qualquer forma acho que retomarei a leitura qualquer dia desses, quem sabe? Romances leves e rápidos são sempre bem vindos :D
    Beijos!

    ResponderExcluir
  6. Oi mana, eu já comecei a ler essa série só que por causa a faculdade e estudos não deu pra continuar e tem o fato que eu pisco o alho e já tem outro lido sendo lançado e acho que só vou voltar a ler essa série quando ela for definitivamente finalizada. Pelo menos eu sei que quando chegar nesse livro vou ter uma boa leitura.

    ResponderExcluir
  7. Olá,

    Confesso que não li sua resenha toda com medo de spoiler, mesmo sendo uma série que não pretendo ler eu tenho medo de spoiler, vai que eu um dia eu dou um de louco e começa a ler? Vou fazer uma leitura das suas resenhas dos outros livros dessa série, para conhecer o trama desde o início! ♥

    → desencaixados.com

    ResponderExcluir
  8. Apesar de eu ter amado sua resenha e gostado dos pontos levantados em relação a obra, não consigo gostar desse livro. Sei que muitas pessoas tem falando dele, mas sei lá.
    Mas lógico que não descarto a leitura, quem sabe em outro momento, né?

    ResponderExcluir


Mais que Livros - 2015. Todos os direitos reservados.
Tecnologia do Blogger.
Miss Mavith - Design with ♥